ColunadoLimoeiro: “Doce Mãe” é um doce raro da TV Brasileira

Qualidade de primeira!

O primeiro episódio de “Doce Mãe” acentua e mostra, para os diretores de televisão, que o público gosta de uma série mais leve, calma, onde possa se enxergar mais nos personagens escritos.

“Doce Mãe, veio com excelente entrosamento entre os artistas,  com interpretações e naturalidade, além do comum, parecia que aquela família existia, era real, a Dona Picucha, tão meiga, inocente e boazinha, que, provavelmente, todos nós lembramos de uma senhora bondosa, que  já passaram, ou estão, em nossa vida.

É doce, é relaxante, atrai, deixa o telespectador, esperando qual gracinha, qual cena, que  ação fará a Dona Picucha? A família torta, não certinha, também é o um ponto chave – afinal, ninguém tem família perfeita, né? Num país cheio de idosos(Graças a Deus), o programa virou excelente fim de noite, para eles, para família brasileira.

O roteiro não caricato, não é inovador, mas carrega ingredientes de identificação, é humano, dentro da realidade, com belos conflitos . Sem exagero, sem apelação. É um doce  raro da TV Brasileira. Este tipo de série, pode e deve dividir campo com séries de ação e drama.

A  excelente fotografia, junta-se, as ações da atriz Fernanda Montenegro, que mostra que idade não é problema, e sim a juventude de dentro de si,  se você quer  mesmo algo.

Até mais!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s